sexta-feira, junho 03, 2011

Conselho decide intensificar a luta contra o pacote de Tarso e pela implementação do piso

 O Conselho Geral do CPERS/Sindicato, reunido na manhã desta sexta-feira 3, em Porto Alegre, deliberou pela realização de um dia estadual de paralisação, com atividades nos núcleos. Essa atividade será realizada no próximo dia 14. A atividade será marcada pela realização de caminhadas e atos públicos nas regiões dos 42 núcleos da entidade.

No dia 22, a categoria se reunirá em assembleia geral para discutir a paralisação nos dias em que os projetos encaminhados pelo governador Tarso Genro a Assembleia Legislativa entrarem na pauta de votação.
Durante o período, a categoria continuará realizando visitas às escolas pra esclarecer o conteúdo do pacote que altera a contribuição previdenciária e a forma de pagamento das requisições de pequeno valor. Os educadores continuarão pressionando os deputados estaduais, nas suas bases eleitorais e através de correspondências, para que rejeitem o pacote. Também buscarão apoio nas câmaras de vereadores.
Piso
O Conselho Geral também aprovou a elaboração de um documento para ser enviado ao governo do estado solicitando uma posição a respeito do cumprimento da lei do piso nacional para os educadores. Essa solicitação será feita após comunicação feita pelo Supremo Tribunal Federal sobre a constitucionalidade da lei à presidente da República e ao presidente da Câmara dos Deputados.
Fonte:http://www.cpers.org.br
João dos Santos e Silva, assessor de imprensa do CPERS/Sindicato
div align="center">
Loading...
Ocorreu um erro neste gadget